Tecnologia

Guerra cibernética comprova a importância da segurança digital

A guerra cibernética entre a Rússia e a Ucrânia tem sido motivo de temor entre diversos países do mundo. Hackers russos exercem o papel de desestabilizar a infraestrutura ucraniana e causar ainda mais choques de efeito psicológico na população.

Em resposta aos ataques, inúmeras empresas de tecnologia interromperam a veiculação de anúncios ou desmonetizaram conteúdos russos com o intuito de evitar o compartilhamento de fake news.

Além disso, o ministro ucraniano para Transformação Digital, Mykhailo Fedorov, formou um “exército de TI” com cerca de 400 mil voluntários multinacionais para ajudar os ucranianos a combaterem os ciberataques e derrubarem sites de empresas, bancos e do governo da Rússia.

Sugestão de leitura: Empresas de tecnologia adotam medidas contra o ataque russo à Ucrânia.

Na última segunda-feira, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, solicitou que o setor privado fortalecesse imediatamente a segurança cibernética, tendo em vista que existem riscos da Rússia substituir o alvo atual para as empresas americanas.

O maior receio está relacionado às indústrias de petróleo e gás natural. “Geopoliticamente, acho que todos estamos cientes de que a energia é um alvo devido à participação de mercado da Rússia em recursos de petróleo e gás natural”, disse Suzanne Lemieux, diretora de segurança de operações do Instituto Americano de Petróleo.

As recomendações do Governo Americano são que as empresas utilizem autenticação de dois fatores para dificultar o acesso dos invasores e realizem o backup dos documentos fora das redes, além de contar com o apoio de especialistas para assegurar que os sistemas estejam atualizados e protegidos contra vulnerabilidades.

Uma solução aprovada por profissionais de segurança da informação é a aplicação de softwares de gerenciamento de dispositivos para garantir controle eficiente dos equipamentos, como o MDM (Mobile Device Management).

O MDM auxilia na implementação e gestão de medidas que protegem os dados corporativos, garantindo todo suporte ao cumprimento da LGPD. A solução é capaz de criptografar dados entre dispositivos, mitigar as falhas de segurança e limitar os agentes de tratamento de dados, aumentando assim a preservação das informações.

A segurança cibernética é vantagem competitiva dentro das empresas e considerada um dos fatores que mais são dignos de investimentos por ser capaz de preservar a integridade da instituição e a proteção das pessoas.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.